Tom Dumoulin, arranca para a vitória na etapa 1.

Dumoulin vence 1ª etapa do Giro d’ Itália 2018.

2018-05-04 – Giro d’ Itália 2018. Dumoulin, vence etapa 1.

O holandês voador do Team Sunweb, confirmou grande favoritismo e fez uso de sua camisa arco iris de campeão mundial de Contra-relógio individual (CRI), bateu outro forte candidato, Rohan Denis (BMC), e de quebra é o primeiro a vestir a Maglia Rosa na 101º edição da primeira grande volta do ano.

Dumoulin, para receber a maglia Rosa ja na etapa 1.

A prova.

O australiano, Rohan Denis, tratou de cravar um baita tempo e assumiu a liderança do prológo, etapa 1 (ver link) disputada em Israel na cidade de Jerusalém. O belga Victor Campenaerts (Lotto Fix All), atual campeão europeu de CRI, cravou o mesmo tempo de Denis, mas por ter feito depois seria o segundo. Os atletas foram largando e ninguém se aproximava da dupla  BMC-Lotto. Mesmo nomes fortes como Tony Martin e Chris Froome (Katusha e SKY respectivamente) ameação Rohan Denis de ser o primeiro a vestir a Maglia Rosa.

O ultimo homem a largar, foi o atual campeão do Giro e mundial de CRI, Tom Dumoulin, sempre esteve junto de Denis, nas parciais, e acelerou no ultimo setor para ser o primeiro em muitos anos a vestir consectivamente, a Camisa Rosa no término e inicio de duas edições do Giro.

Decepção.

Froome, após cair no reconhecimento da etapa 1.

Tony Martin, muito duelou com Fabian Cancellara, Chris Froome, Alberto Contador e o próprio Dumoulin, mas hoje sucumbiu. Superado pelo companheiro de equipe Alex Downsett, Martin fez apenas o 9º tempo, 27s a mais que Tom. Chris Froome foi atleta que não correspondeu. Em meio a desconfiança de seu resultado adverso, durante a Vuelta de 2017, Froome ainda teve o azar de cair antes do inicio da etapa. O britânico dom time SKY, fazia o reconhecimento do percurso, afinal eram menos de 10 km a etapa de hoje, e saiu todo ralado. Talvez isso tenho afetado seu desempenho, ou a falta de Salbutamol…..!

A verdade é que a SKY tem um roteiro de tragédias no Giro. Thomas, Landa, Wiggins que o digam. Sempre favoritos mas com decepções logo no inicio.

 

 

2º Etapa – Haifa – Tel Aviv. 167 km.

Pela distancia que Dumoulin colocou nos principais sprinter’s deste Giro, o holandês seguirá com a camisa rosa, salvo um acidente, ou uma prova preguiçosa e vitória da fuga! Os demais contender’s da prova, andaram junto e náo se desgastaram no vento do oriente médio, muito menos no calor que faz por lá nesta época.

Perfil Altimétrico da 2ª etapa do Giro d’Itália.

Classificações. 

Top 30 da Etapa 1.
Top 10 da Classificação de melhor jovem.
Classificação por Equipes.

Vídeo com Highlight’s Etapa 1.

 

Fonte: CyclingNews, ProcyclingStats, Cyclingtips.

Visitem as redes Sociais.

Facebook – https://www.facebook.com/brasilciclismo.com.br/?ref=your_pages

Twitter – https://twitter.com/Ciclismo_Br

Youtube – https://www.youtube.com/channel/UCu8MbBz75FkJ3YXDL-hu5rA?view_as=subscriber

About Brasil Ciclismo 58 Articles
Apaixonado por Ciclismo, programado de dados metido a jornalista! Tudo sobre ciclismo internacional é aqui no Brasil ciclismo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.